Veja-o Partir

04 abril 2015

(Se quiser uma trilha sonora para a leitura, escute "Fall in Love - Barcelona")

Com lagrimas nos olhos, ela o viu partir. Calma lá garota, a vida acabou de começar, não fique tão mal por isso. Enquanto você chora, ele vive. Infelizmente é assim.
Nada de sair por ai se culpando, o problema não é você, é ele. Acredite. Ou talvez, de fato seja os dois.
Ergue esse cabeça, e vá viver também. Esqueça-o por alguns momentos, a vida segue e seu tempo ta passando. Você não precisa de ninguém agora, esse papo de que ninguém é feliz sozinho, é mentira.
Você é, todos podem ser. Felicidade é um tanto que pscológico, quando você acredita que pode ser feliz, você acaba sendo.
As noites dificies virão, há sem dúvidas elas virão. Mas não se importe, você foi forte para aguentar toda pressão por ele, todas as vezes que ele ia á festas e te deixava lá, pensando em sabe lá Deus o que poderia acontecer, você foi forte para aguentar toda dor, todos esses anos. Então será forte para aguentar uma perda.
Mas, acima de tudo, lembre-se que a sua força vem de manhã, quando você se levanta e consegue sorrir, isso sim é para poucos, não vejo mal algum em se sentir mal de vez em quando, porém sustentar a tristeza é horrível, e você maravilhosa.
Deixe esse sorriso aparecer, não precisa se fingir de forte o tempo todo, chorar não torna ninguém mais fraco, as vezes o deixa até mais leve. Porque você é capaz de por para fora aquilo que te deixa angustiado, através de lágrimas ao invés de guardar e ficar se machucando.
Então olhe mais uma vez, os passos largos e arrastados dele, o deixe partir menina, aprecie a dor, ela é passageira. Mas quer um conselho? Não dê nenhum passo, apenas o veja partir.



Nenhum comentário:

Postar um comentário