BEDA #5 Nova Eu

05 abril 2017



As sete da manhã tudo está pronto, as malas prontas, a chave em cima da mesa. Chegou a hora de finalmente começar.
Largar o que passou, conhecer novos lugares, novas pessoas, passar por novas experiências, sentir novos aromas, quem sabe finalmente conseguir o emprego dos meus sonhos, entrar em uma aventura nova.
Nunca fui muito apegada as coisas, desde cabelos - que vivo mudando e remoldando - até pessoas. Acho que tudo tem um tempo certo pra acontecer, tudo chega e tudo vai e essa parte da minha vida está indo.
Sinto que meu coração se acelera um pouco mais, vivi longos anos aqui e agora estou indo. Agora estou apenas com malas na mão e uma passagem no bolso, mas carrego a esperança de que tudo sempre dá certo no fim.
Então eu vou, passo por cada cômodo da minha casa, tocando as paredes que tem tantas histórias pra contar, olhando pela última vez marcas que nada vai apagar e me despeço lá no fundo de uma antiga eu.
Gosto de pensar que a cada vez que mudo, renasço. Sinto que agora estou renascendo, amadurecendo, descobrindo como ser mais eu, a nova eu.

Adeus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário