Eu li: Selene e o Dragão

23 junho 2017

Oi gente!
A resenha de hoje é muito especial, de uma fantasia nacional. É do livro Selene e o Dragão, da editora Pendragon. Espero que gostem! 


Bom, vamos à resenha <3

O primeiro capítulo de uma história e até mesmo os primeiros parágrafos, são o alicerce e a corrente que prendem o leitor a uma história. Quando lemos o primeiro parágrafo, já formamos toda uma visão sobre o livro, não é mesmo?
O primeiro capítulo já chega marcando os recursos estilísticos da autora, o jeito que ela escreve, como uma impressão digital. Ao longo do livro, notamos que a linguagem é simples e fluída, na verdade, eu nem vi o tempo passar quando estava lendo. Ela descreve muito bem, equilibra muito bem. Não tem muita descrição e pouco diálogo ou vice-versa, é tudo na medida certa. Isso já evidencia que logo de cara sabemos que é um livro bem escrito e bem pensado. A revisão é perfeita e me deu muito conforto de ler sabendo que não ia me deparar com nenhum erro. Eu li sem pensar e sem parar para notar erros na escrita, então tudo fluiu muito bem.
No primeiro capítulo, vemos que Selene está chorando, tentando tomar um rumo depois que sua vila inteira é morta em um incêndio. Ela se sente culpada por nem sequer estar lá, ela queria poder ter feito algo, até mesmo usado a magia para tentar salvá-los (que ela sempre praticou escondido pois não era permitido).
Selene então chora pensando na morte de todas aquelas pessoas, até que algo chama a sua atenção. Daí, quando ela vê, se trata de um dragão de enorme olhos azuis preso em uma armadilha, perto dela. Sem pensar, tudo o que ela consegue fazer é ajudá-lo, mesmo que ele possa ser perigoso, pois não quer ver mais ninguém morrer.
Com isso, ela transforma o dragão em um humano (que eu suponho que deva ser muito lindo, hahaha) de enormes olhos azuis, chamado Drake.
Depois de ter salvado a vida dele, ele diz querer retornar o favor, e pela intuição de Selene, ele vai atrás dela por onde ela for com a missão de também salvar a vida dela.
O final do primeiro capítulo arrepiou de uma forma que tudo o que você quer fazer é ler mais. É exatamente assim que um livro deve ser, por isso destaco que estamos falando de uma autora realmente habilidosa. Logo de cara, soube que estava em boas mãos e que ia ser uma boa leitura.
Desde então, eles embarcam tentando encontrar um rumo para a vida de Selene, e Drake vai com ela. Eles se tornam bons amigos (sinto cheiro de romance?) e superam tudo o que lhes foi ensinado, porque os dois foram criados para se odiarem (humanos odiando dragões e vice-versa).




Os capítulos são alternados entre Selene e Drake, o que me conquistou muito, porque amo quando também é incluído o ponto de vista masculino. Me apeguei aos personagens e suas histórias logo de cara, embalados de lendas e histórias do povo e dos dragões, como eles são e como eles vivem.
Ao longo do livro, acontecem coisas, ganchos que te deixam perguntas sem resposta extremamente instigantes. Por exemplo, algo sutil acontece, mas por dentro a gente se pergunta “o que será que isso vai dar no futuro?” “será que isso vai machucar alguém?” e por aí vai. Essas perguntas sem resposta são o combustível de qualquer leitura e meu Deus, me fez querer muito mais. Quando vi, não tinha nem passado tanto tempo e eu já estava aqui, escrevendo essa resenha.
Selene é uma garota forte e decidida, porém doce, o que me leva a salientar que foi o equilibrio perfeito. Às vezes, a gente precisa de uma personagem mais forte e fria, como a Katniss, mas às vezes a gente precisa de uma personagem mais vulnerável, porém doce, como a Primm (perdoem as referências da minha distopia preferida, hahaha), e dessa vez, antes de ler esse livro, eu precisava de uma personagem que fosse os dois, e foi exatamente assim que a Selene era. Era tudo o que eu precisava mesmo, tipo muito.
Confiem na palavra de uma pessoa que tem estado numa ressaca meio estranha – eu leio livros, não parei de ler, mas eles não parecem me agradar o suficiente. Como eu disse, ressaca estranha.
Lendo Selene e o Dragão, eu saí dessa ressaca, hahahaha!
O enredo tem tudo para conquistar um leitor que precisa de uma leitura tranquila, mas instigante, que queira fazer você ler tudo de uma vez. Se você está com a cabeça meio estranha, como eu, e não quer uma fantasia com mil coisas e palavras que você nunca viu na vida logo de cara; e sim quer algo com romance, mais simples, mas que também seja fantasia, você encontrou o livro certo. Definitivamente, a literatura nacional está arrasando na fantasia nos últimos tempos (vocês são uns lindos <3).




Por fim, temos em “Selene e o Dragão”, um claro exemplo de uma literatura nacional realmente boa e bem escrita, em que nenhum romance estrangeiro passa na frente. Lendo esse livro, tive mais uma prova de que, sim, literatura nacional pode ser tão boa quanto a estrangeira.
A autora também está de parabéns. Fiquei chocada com a revisão, na verdade (menina, não tinha um errinho, hahaha) e dá para ver de longe, como escritora, que o enredo e o texto em si passou por várias revisões e reformulações, resultando numa leitura extremamente prazerosa.

A paixão com que foi escrito esse livro resultou numa obra muito bem feita. Não economizo elogios pois sei que são merecidos. Definitivamente, quem ler Selene e o Dragão não terá nada a perder.

Gostaram? Agora vamos aos links, claro!

Biografia da autora: 




Marília G. Barbosa é a mais velha de três irmãs e se formou em Design e Japonês, mas também estuda Letras-Português. Vivendo no mundo da lua, se apaixonou pela escrita logo cedo, aos 14 anos, quando começou a brincar de criar histórias com as amigas da escola. A brincadeira evoluiu e se tornou solo, e agora ocupa todo o tempo livre da escritora, que para cada história que termina, tem cinco novas na cabeça. 


Página no Face: https://www.facebook.com/MariliaBarbosaEscritora


Wattpad: https://www.wattpad.com/user/MariliaGB


Selene e o Dragão:

Link de compra: http://www.lojapendragon.com.br/loja/produto.php?loja=492765&IdProd=70

Skoob: https://www.skoob.com.br/selene-e-o-dragao-620255ed682621.html 

Agora, conheçam também a capa do segundo livro da autora.




Um Ano Com Você

Link de compra: https://www.amazon.com.br/Ano-Com-Você-Mar%C3%ADlia-Barbosa-ebook/dp/B01M22KQKK/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1497905176&sr=8-1&keywords=Mar%C3%ADlia+G.+Barbosa

Skoob: https://www.skoob.com.br/um-ano-com-voce-619188ed619830.html 

Enfim, era isso, pessoal. Eu espero que tenham gostado. Não se esqueçam de comentar e aproveitem para conhecer um pouco mais da literatura nacional. Até breve <3



Paula Matcki

2 comentários:

  1. Amei essa resenha, Paula! Muito obrigada pelo seu carinho e tantos elogios, estou super lisonjeada! E amei o jeito como você falou da Selene, ela de fato é forte e decidida como a Katniss, mas com uma compaixão e gentileza que a Primm tinha! :D

    ResponderExcluir
  2. Nossa! Eu amo fantasia. Vou colocar na lista!

    ResponderExcluir